Desde 2015, quando a Resolução nº 654/2015, que regulamenta as condições de Aferição do Grau de Satisfação e da Qualidade Percebida junto aos Usuários de Serviços de Telecomunicações, a Anatel faz esta coleta de dados. Desta forma, entra em contato com os usuários de Banda Larga, Telefonia Fixa, Telefonia Móvel (pós e pré pago) e TV por Assinatura. E em 2020, de julho a novembro, a pesquisa – que é feita via ligações telefônicas –começou a ser feita.

As informações que você irá fornecer são idade, renda, estado e município onde reside e escolaridade. As questões serão referentes apenas ao tema das telecomunicações e não são pedidos documentos pessoais, número de cartão de crédito, email, senhas e etc. Por isso, caso pedirem estes tipos de informações para você, desconfie e NÃO CAIA EM GOLPES!

Existe também uma nova pesquisa, que a Anatel fará neste mesmo período, como um teste para saber se também será inserida no questionário 2021.

Depois dos dados serem coletados, a Agência cria relatórios analíticos para que tenham maior facilidade de identificarem os principais destaques da pesquisa. As informações serão divulgadas para o público no próximo ano com um ranking geral, mas também com notas em cada categoria e por região.

Relatórios anteriores

Se tiver interesse em verificar os relatórios anteriores, acesse www.anatel.gov.br/dadosabertos/PDA/Pesquisa/Pesquisa.zip

Manual de Aplicação de Pesquisa 2020

Se tiver interesse em ler o Manual de Aplicação da Pesquisa 2020, acesse https://www.anatel.gov.br/institucional/index.php?option=com_anexarlink&hash=3236b890e56e212bc319e6d1e2076655

História da pesquisa desde o início

Se tiver interesse de conhecer o histórico da pesquisa, desde o início, acesse https://www.anatel.gov.br/consumidor/index.php?option=com_content&view=article&layout=edit&id=539